Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
O arquiteto Jayme Zettel trabalhou em parceria com Lucio Costa e esteve inserido tanto no contexto da construção de Brasília como da memória da arquitetura modernista no Brasil.

how to quote

LEVY, Wilson. Entrevista com Jayme Zettel. Entrevista, São Paulo, ano 16, n. 064.03, Vitruvius, nov. 2015 <https://pop.www.vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/16.064/5809>.


Imagem de satélite, Brasília e cidades satélite [Wikimedia Commons]


Jayme Zettel

Arquiteto urbanista graduado pela Faculdade Nacional de Arquitetura (1956) e pós-graduado em Projeto Urbano pela London British Council. Em 1957, começou a trabalhar com Lucio Costa, tendo assumido, pouco tempo depois, a chefia da Divisão de Urbanismo da Novacap. Presidiu o Instituto Brasileiro do Patrimônio Cultural (IBPC), hoje Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). Contribuiu com a elaboração da Portaria n. 314/92, que regulamentou o tombamento de Brasília. Foi vice-presidente da Fundação Oscar Niemeyer e trabalhou nos projetos de restauração do Palácio do Itamaraty, em Brasília, e da sede da Organização das Nações Unidas (ONU) em Nova York.

Wilson Levy

Doutorando em Direito Urbanístico pela PUC-SP, onde desenvolve pesquisa sobre o conceito de direito à cidade, sob a orientação de Nelson Saule Júnior e Barbara Freitag Rouanet. É graduate student fellow do Lincoln Institute of Land Policy e professor colaborador do Programa de Pós-Graduação em Cidades Inteligentes e Sustentáveis da UNINOVE. Assina, junto com a arquiteta Ana Paula Bruno, a coluna semanal "Direito à Cidade", no jornal Estado de Direito.

Entrevista

A entrevista, inédita, foi realizada no dia 30 de maio de 2015, no apartamento de Barbara Freitag e Sergio Paulo Rouanet, no Rio de Janeiro. Ela já estava sendo gestada, intuitivamente, desde o Reveillón, em Tiradentes-MG, nas animadas conversas sobre o futuro das cidades que se sucederam à recordação do concurso de projetos de Brasília. O debate acendeu reflexões críticas sobre o modelo de planificação absoluta, com elogios à obra de Jane Jacobs. É um registro de memória oral que se concretiza como singela contribuição à memória histórica da "última utopia modernista".

comments

064.03
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

064

064.01

O mestre da habitação social

Antônio Agenor Barbosa, Rachel Paterman and Alberto Goyena

064.02

Lava, arquitetura visionária em Berlim

Gabriela Celani

064.04

Um edifício, um detalhe

Maycon Sedrez

064.05

Aprendendo com os erros dos outros

Gabriela Celani

newspaper


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided