Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

drops ISSN 2175-6716

abstracts

português
Vittorio Corinaldi faz uma crítica ao arquiteto Oscar Niemeyer pela discrepância entre discurso e prática na sua carreira profissional e, principamente, à maneira preconceituosa com que se referiu à comunidade judaica em entrevista divulgada

english
Vittorio Corinaldi criticizes the architect Oscar Niemeyer for the discrepancy between discourse and practice in his professional careers especially the biased way in which he referred to the Jewish community in a new interview

español
Vittorio Corinaldi realiza una crítica al arquitecto Oscar Niemeyer por la discrepancia entre discursos y práctica en su carrera profesional y, principalmente, a los preconceptos con que se refirió a la comunidad judaica en la entrevista divulgada

how to quote

CORINALDI, Vittorio. Oscar Niemeyer. Comunismo e judaísmo. Drops, São Paulo, ano 08, n. 021.08, Vitruvius, mar. 2008 <https://pop.www.vitruvius.com.br/revistas/read/drops/08.021/1744>.


Teatro de Araras SP
Foto Nelson Kon


Nota do editor – O presente artigo foi suspenso por se apoiar em um fato que se mostrou inexistente, uma pretensa manifestação antisemita de Oscar Niemeyer. A dicção um pouco trêmula de um senhor já muito idoso e as limitações técnicas das transmissões pela internet induziu o articulista Vittorio Corinaldi a ouvir "judeus", quando na verdade o arquiteto pronuncia "governos" (1). A própria edição da rede Globo enfatiza a fala do arquiteto com diversas palavras destacadas na tela, e a palavra "governo" aparece exatamente no momento em que ele pronuncia a palavra em questão. Mesmo entendendo que se trata de artigo assinado, com responsabilidades assumidas publicamente, pedimos as devidas desculpas por termos disponibilizado o artigo no ar e nos colocamos à disposição para eventuais esclarecimentos.

notas

1
A transcrição correta da fala de Niemeyer é a seguinte: "[...] pobre olha (a arte) e se espanta, mas sabe que não participa de nada. Nós (arquitetos) trabalhamos para os donos do dinheiro, os governos [...]". O mundo de Niemeyer. Primeiro programa da série comemorativa produzida pela Rede Globo e disponibilizada pela Globo.com na Internet em 13/12/2007, às 00:06:57 <http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM765730-7823-O+MUNDO+DE+NIEMEYER,00.html>.

 

comments

newspaper


© 2000–2019 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided